Notícias

Ver notícia

Evento foi realizado nesta semana na sede da concessionária.

Representantes da Águas de Manaus, do Instituto de Defesa do Consumidor do Amazonas (Procon-AM), da Agência Reguladora dos Serviços Públicos Delegados do Município de Manaus (Ageman) e da Defensoria Pública do Estado do Amazonas (DPE-AM) participaram de um workshop sobre os serviços de água e esgotamento sanitário na capital amazonense. O evento foi realizado nesta semana, na sede da concessionária.

“É muito importante esse trabalho conjunto, porque cada demanda contribui para o amadurecimento do serviço, da forma como a empresa se relaciona com o seu cliente. Ao longo dos últimos anos, tudo o que se concluiu em cada demanda também se refletiu no usuário. Hoje, o serviço de água chega a mais de 2 milhões de pessoas em Manaus, e a cobertura de esgoto está cada vez mais crescente”, sintetiza o diretor-presidente da Águas de Manaus, Diego Dal Magro.

No encontro, foram apresentadas as normas que regem tanto o abastecimento de água quanto o tratamento de esgoto, procedimentos de cobrança e faturamento de clientes, principais irregularidades no consumo, e como é feita a conexão de novos usuários ao sistema de esgotamento sanitário.

“Agradecemos a concessionária por esse momento. Temos que construir pontes e o evento de hoje é a prova de que isso rende bons frutos. A Águas de Manaus é a empresa que tem maior número de soluções no Procon. Nosso objetivo é solucionar as demandas e garantir que os direitos do consumidor sejam cumpridos, de forma a fazer uma defesa do consumidor mais forte, sólida, eficiente e sobretudo mais humanizada”, resume o diretor-presidente do Procon-AM, Jalil Fraxe.

Durante o ciclo de palestras, o alto número de resolução de demandas judiciais da concessionária foi citado pelos representantes dos órgãos. Hoje, o índice passa dos 90%. “A Águas de Manaus representa o maior percentual. É uma empresa que sempre se mostrou proativa, sempre com uma pronta resposta para as solicitações que encaminhamos. Isso é importante, porque aproxima a população do poder público e dos serviços concedidos”, aponta o ouvidor da Ageman, Claudio Falcão.

Após as apresentações, os participantes foram levados a uma visita técnica ao Complexo de Produção da Ponta do Ismael, onde funcionam as Estações de Tratamento de Água I e II, que abastecem 80% da cidade. Em seguida, eles tiveram a oportunidade de conhecer a Estação de Tratamento de Esgoto Timbiras (ETE Timbiras), na zona Norte da capital amazonense.

“Esse estreitamento de relações é fundamental para que os serviços sejam prestados com excelência. No evento de hoje, pudemos aprimorar os nossos conhecimentos sobre os serviços e isso vai ajudar a aprimorar também nossos pareceres e as nossas peças”, afirmou o defensor público Christiano Pinheiro.

Compartilhar:

Veja Também

Comunicados Saiba mais
Comunicados

Fique por dentro das obras, manutenções e paradas programadas realizadas pela Águas de Manaus.

POLÍTICA DE PRIVACIDADE E PROTEÇÃO DE DADOS PESSOAIS Saiba mais
POLÍTICA DE PRIVACIDADE E PROTEÇÃO DE DADOS PESSOAIS

A Aegea busca garantir o mais alto nível de transparência e ética em suas atividades, e o seu compromisso também se estende ao tratamento...

Politica de Inv. Social Privado Saiba mais
Politica de Inv. Social Privado

Uma concessão é muito mais que um acordo com o poder público, é um compromisso com o lugar e com sua gente.

Documentos Saiba mais
Documentos

Aqui você encontra relatórios, arquivos e documentos de interesse público da Águas de Manaus.