Notícias

Ver notícia

Em Manaus, a concessionária Águas de Manaus desenvolve projetos que visam a evolução dos serviços de água e esgoto.

Nesta terça-feira (05), é comemorado o Dia da Amazônia. A data surgiu como forma de chamar a atenção do mundo para um dos principais ecossistemas do mundo: a Floresta Amazônica. Na capital amazonense, a Águas de Manaus tem papel relevante na proteção e preservação do meio ambiente, por meio do saneamento.

Um dos maiores desafios do saneamento no País é universalizar o serviço de esgotamento sanitário. Aqui em Manaus, a cobertura saiu de 19% e deve finalizar o ano com 30%. Este número faz parte de um grande plano de expansão do serviço em Manaus, que já conta com obras em quase todas as zonas da cidade.

“O esgoto é papel fundamental para resgatarmos os igarapés que cortam a cidade, para preservarmos as áreas verdes urbanas e oferecermos saúde para os manauaras. Temos um objetivo: universalizar o serviço de esgotamento sanitário. Para isto, estudamos cada bairro da cidade e vamos nos adaptando para garantir melhoria na qualidade de vida das pessoas e do meio ambiente”, ressalta o diretor-presidente da concessionária, Diego Dal Magro.

Em Manaus, uma das obras mais marcantes do sistema de esgoto é a adaptação das estruturas em áreas de palafitas. O projeto pioneiro no Brasil iniciou no Beco Nonato, com a implantação da estrutura elevada que beneficiou mais de 900 moradores. Atualmente, o serviço já está sendo levado para outras áreas com as mesmas características.

Obras de esgotamento sanitário em área de palafitas

Uso consciente

Todos os dias, mais de 700 milhões de litros de água são captados do Rio Negro e passam por tratamento e controle de qualidade, antes de chegarem às torneiras da população. Nos últimos anos, obras de implantação de mais de 200 quilômetros de rede de abastecimento em áreas vulneráveis garantiram a universalização do serviço de abastecimento de água. A Águas de Manaus acompanha o crescimento da cidade, com obras para regularização e distribuição em locais que passaram recentemente por regularização fundiária.

A concessionária também realiza investimentos para a modernização do sistema, com tecnologias de combate a fraudes. Com isso, já se vê uma significativa redução no número de perdas de água por mau uso e ligações irregulares – nos últimos cinco anos, a concessionária conseguiu reduzir o nível de perda de água na cidade em mais de 20 pontos percentuais, saindo da casa dos 74,7%, em 2018, para os atuais 56%.

Foram implantados mais de 200 quilômetros de rede de abastecimento de água

Educação ambiental

Desde que começou a atuar na cidade, ações desenvolvidas junto às comunidades têm mostrado resultados positivos. Através da educação ambiental, por meio de programas como Afluentes, Portas Abertas, visitas ao museu Fonte do Saber, comunitários e estudantes têm acesso às informações acerca da importância da preservação do Meio Ambiente.

“Quando ensinamos, sobretudo os menores, eles passam a ser reprodutores destas informações. Passam até mesmo fiscalizar ações que podem impactar o ecossistema. Conseguimos mudar algumas atitudes através da educação ambiental e com isso, quem mais ganha é a nossa região que é tão rica em biodiversidade”, destaca o gerente de Responsabilidade Social, Semy Ferraz.

Compartilhar:

Veja Também

Teste de Formulário Saiba mais
Teste de Formulário

Legislação e Tarifas Saiba mais
Legislação e Tarifas

Os serviços de abastecimento de água e esgotamento sanitário implicam em custos e investimentos permanentes.

Comunicados Saiba mais
Comunicados

Fique por dentro das obras, manutenções e paradas programadas realizadas pela Águas de Manaus.

Responsabilidade Social Saiba mais
Responsabilidade Social

A atuação social e ambientalmente responsável faz parte da nossa história e do nosso propósito.