Arquivo de janeiro 25America/Sao_Paulo 2019

Águas de Manaus inicia, neste sábado (26), campanha “Zera Dívida” para negociação de débitos de clientes

Postado por Aegea Manaus em 25/jan/2019 - Sem Comentários

 

 

A Águas de Manaus inicia, neste sábado (26), a campanha “Zera Dívida” com oferta de diversos serviços em sua loja central, localizada na rua Leonardo Malcher, 1237, Centro. Visando ampliar os laços de relacionamento da concessionária com seus clientes, a iniciativa beneficiará usuários que possuem algum tipo de pendência com a empresa. O atendimento ocorrerá no horário de 8h até às 17h.

 

Os clientes da Águas de Manaus vão ter a oportunidade de renegociar suas dívidas em condições especiais, com um parcelamento bem flexível. Além disso, outros serviços como cadastro na tarifa social (benefício que concede 50% de desconto na tarifa de água para usuários de menor renda), troca de titularidades, solicitações de hidrômetros, pedido de vistorias e manutenções de rede podem ser feitos durante a campanha Zera Dívida, que vai até o dia 31 de janeiro.

 

O atendimento deste sábado (26) será exclusivo na loja da Leonardo Malcher. Nos dias 28, 29, 30 e 31, os serviços da “Zera Dívida” também passam a ser oferecidos nos guichês da concessionária localizados nos PAC´s da cidade (Alvorada, Compensa, Cidade Nova/Sumaúma, São José, Cidade Leste, Via Norte e Shopping T4).

 

“Quem procurar os nossos pontos de atendimento durante a campanha, não vai sair de lá sem um acordo. Temos um compromisso com o cliente e com a população manauara para regularizar as pendências e oferecer condições bem flexíveis. Inclusive, começamos a campanha no sábado para oferecer uma comodidade maior para as pessoas que não conseguem acessar os nossos pontos de atendimento durante a semana”, explicou o supervisor comercial da Águas de Manaus, Luiz Hennes.

 

Os interessados em participar da “Zera Dívida” não podem esquecer de ter em mãos alguns documentos como RG, CPF e as faturas para identificação da unidade consumidora.

 

RELACIONAMENTO – As ações de negociações de débitos já são uma rotina para a concessionária. Desde que chegou na cidade, a Águas de Manaus tem promovido ações para se aproximar da população, seja para atender demandas, estimular o uso consciente da água ou ajudar na regularização de qualquer necessidade do usuário.

Programas como o “Vem com a Gente” (ação itinerante nos bairros) e o “Afluentes” (desenvolvido em parceria com lideranças comunitárias) já realizaram mais de 36 mil atendimentos em Manaus em pouco mais de cinco meses de atuação. Em dezembro, a campanha “Natal Com Nome Limpo”, realizou acordos com cerca de 300 clientes em três dias, encerrando dívidas que chegavam a dez anos e retirando o nome das pessoas beneficiadas dos sistemas SPC/Serasa.

 

“Temos uma experiência bem positiva das ações e campanhas que já desenvolvemos para negociar dívidas nos últimos meses. Queremos que nossos clientes comecem 2019 aproveitando essa oportunidade”, reforçou Luiz Hennes.

 

SERVIÇO – Os atendimentos da campanha Zera Dívida acontecem entre os dias 26 e 31 de janeiro, no horário entre 8h e 17h. No dia 26, o atendimento será realizado exclusivamente na loja da rua Leonardo Malcher, no Centro. Nos dias seguintes, os guichês da Águas de Manaus nos PAC´s também participarão da campanha. Os clientes devem levar RG, CPF e as faturas para identificação da unidade consumidora. O atendimento será por ordem de chegada.

 

 

Em cinco meses, Águas de Manaus atende 36 mil clientes com o projeto Vem Com A Gente

Postado por Aegea Manaus em 24/jan/2019 - Sem Comentários

O Projeto itinerante “Vem Com a Gente”, desenvolvido pela Águas de Manaus, chegou ao bairro Presidente Vargas, na zona Sul, nesta semana. O programa leva diversos serviços da concessionária até o cliente. As equipes da concessionária estão disponibilizando renegociação de débitos, vistorias, instalação de hidrômetros, troca de titularidades, atualização de dados, cadastro de tarifa social, manutenção de rede, vazamentos, ligações, entre outros no bairro.

Ao longo das próximas semanas, as vans do Vem com a Gente vão ficar estacionadas na Escola Municipal Sérgio Alfredo Pessoa Figueiredo, localizada na rua Valter Rayol. Os atendimentos são feitos de segunda a sexta-feira, de 8h às 17h.

De acordo com o gestor do projeto, Renan Mendonça, o balanço das ações é positivo até aqui. “Nosso objetivo é atender todos os bairros de Manaus nos próximos 24 meses. Até o momento, os moradores foram bastante receptivos às nossas equipes”, afirmou. Além dos serviços já citados, as equipes do Vem com a Gente também dão orientações para o consumo consciente aos moradores, para diminuir o índice de desperdício de água tratada na cidade.

Desde o início do projeto, no mês de agosto do ano passado, as equipes já percorreram os bairros da Cachoeirinha, Raiz, Praça 14, Educandos, Colônia Oliveira Machado, São Raimundo, Glória e agora, trabalham no Presidente Vargas. Em cinco meses de atividades, o Vem com a Gente já conseguiu realizar 36 mil atendimentos.

Alessandra Bandeira foi uma das beneficiadas com a ação. Moradora do bairro São Raimundo, ela conta que aprovou o atendimento da concessionária. “As equipes estão bem preparadas e o atendimento foi ótimo. Consegui resolver uma pendência com um débito antigo da minha casa. Eles parcelaram minha dívida em valores que cabem no meu bolso”, afirmou a dona de casa.

A doméstica Maria Freitas, moradora do bairro da Glória, também aprovou os serviços do Vem com a Gente. “Gostei demais e fui muito bem atendida. É uma ótima ideia da Águas de Manaus. Eu consegui negociar uma conta e acabei com um problema de anos. Ainda consegui resolver outro problema que enfrentava, solicitando uma nova ligação para minha residência”, contou.

VEM COM A GENTE

O programa Vem Com a Gente foi lançado em agosto de 2018 com o objetivo de garantir maior proximidade da empresa com a população, oferecendo serviços nos bairros com agilidade e comodidade aos moradores. A ação itinerante facilita os serviços e no mesmo período dos atendimentos nos bairros, as equipes da empresa realizam os serviços solicitados pela comunidade nas casas e ruas.

CANAIS DE ATENDIMENTO

Além das vans itinerantes do Vem com a Gente, a Águas de Manaus também está à disposição de seus os clientes para resolução de pendências através de diversos canais de comunicação, sempre oferecendo as melhores condições possíveis. Para tanto, disponibiliza atendimento nas lojas da rua Leonardo Malcher, 1237, Centro e nos Pontos de Atendimento ao Cidadão (PAC´s), espalhados pela capital (de segunda a sexta, das 7h às 17h) ou nos canais disponíveis 24h por dia: SAC 0800 092 0195 e site www.aguasdemanaus.com.br

 

Navios da ‘temporada de cruzeiros’ são abastecidos pela Águas de Manaus e comprovam qualidade da água fornecida para a cidade

Postado por Aegea Manaus em 07/jan/2019 - Sem Comentários

 

Desde o fim do mês de novembro, Manaus recebe navios turísticos de grande porte, no período que já ficou popularmente conhecido na cidade como a “temporada dos cruzeiros”. Enquanto ficam ancorados na capital amazonense, os transatlânticos estão sendo abastecidos com a água tratada que é fornecida pela concessionária Águas de Manaus, novo nome da Manaus Ambiental.

Nos últimos meses, a empresa realizou reparos no sistema e ampliou a capacidade de abastecimento das embarcações que atracam no centenário Roadway, o Porto de Manaus.  Agora, os turistas que aportam na capital amazonense recebem um serviço mais rápido, com a interligação das plataformas de distribuição que operaram de forma simultânea. São elas que levam a água tratada até os navios da temporada de cruzeiros 2018/2019.

O novo sistema de abastecimento é submerso e funciona a partir de uma plataforma fixa instalada na rede da rua. Ela é interligada ao Porto, onde estão atracados os navios, em uma extensão de aproximadamente 70 metros. A nova tubulação fez a pressão melhorar. Por conta disso, o tempo da operação para abastecer os navios foi reduzido consideravelmente. Após as obras, 36 mil litros de água por segundo são fornecidos para as embarcações.

A água servida pela empresa aos navios é a mesma que é fornecida para a população da capital e abastece 98% da cidade. Ela passa por um rígido controle de qualidade que vai desde a captação no Rio Negro, até o tratamento e distribuição. Aproximadamente 30 mil análises na água são realizadas mensalmente pela concessionária, em um processo produtivo que envolve mais de 600 pontos de coletas.

 

Antes de iniciar o abastecimento, as tripulações dos navios também realizam testes de qualidade na água fornecida pela Águas de Manaus, comprovando o padrão de pureza no material ofertado pela concessionária. Técnicos da empresa também dão suporte ao processo. As embarcações costumam encher os seus tanques e chegam a comprar até um milhão de litros de água da cidade, antes de seguir viagem.

Para o diretor-presidente da Águas de Manaus, Renato Medicis, todos os cuidados foram tomados para a execução das obras no sistema de abastecimento dos navios, devido ao valor do patrimônio histórico do Porto de Manaus. Segundo ele, a empresa optou por uma construção inovadora sem interferir na estrutura das plataformas seculares existentes no local. A qualidade na água oferecida aos turistas também foi destacada. “Com a rede submersa, mantemos a harmonia do local, com melhorias significantes, tanto para o abastecimento, quanto para a garantia da qualidade de água servida no Porto de Manaus para os turistas, passageiros e tripulantes dos navios que desembarcam em nossa cidade nesta temporada”, ressaltou Renato Medicis. Oito navios já passaram pela capital amazonense desde o início da temporada de cruzeiros. Todos saíram da cidade abastecidos pela Águas de Manaus.

De acordo com a Empresa Estadual de Turismo do Amazonas (Amazonastur), quinze navios de pequeno, médio e grande porte vão passar pela capital nesta temporada de cruzeiros, que prossegue até abril de 2019. Ainda conforme a Amazonastur, os navios devem trazer para a capital amazonense aproximadamente 18 mil turistas de diferentes nacionalidades, a maioria deles dos Estados Unidos, Inglaterra, Austrália e Canadá. A previsão é que os turistas movimentem em torno de US$ 4,45 milhões na economia local.

Duplicação de adutora ampliará capacidade de transporte de água e beneficiará um milhão de moradores na capital

Postado por Aegea Manaus em 02/jan/2019 - Sem Comentários

 

A Águas de Manaus trabalha para melhorar o abastecimento na capital amazonense. Para isso, a concessionária está duplicando um trecho de três quilômetros de uma adutora de 800mm que sai do Complexo de Produção da Ponta do Ismael, na Compensa – onde 70% da água fornecida para a cidade é captada e tratada – e vai até o centro de reservação do Alvorada, localizado na rua Paris, conjunto Campos Elíseos, zona Oeste.

Os trabalhos começaram na primeira semana de dezembro, nas ruas Rua Lisboa e Avenida K, no Campos Elíseos.  A obra vai trazer uma série de benefícios para aproximadamente um milhão de moradores da capital amazonense. A capacidade de transporte de água aumentará em 22% com a duplicação, fazendo a água chegar aos reservatórios com maior rapidez. Isso ajudará a elevar o estoque nas unidades. Assim, no caso do fornecimento ser interrompido de forma emergencial, haverá menor possibilidade de o reservatório secar e a população ficar desabastecida.

As novas adutoras também vão facilitar os trabalhos de manutenção, que são realizados pela concessionária para melhorar a eficiência do sistema. Quando houver a necessidade de manutenção em um trecho da tubulação, a outra adutora pode seguir operando, sem precisar interromper o fornecimento de água para a região abrangida pelos trabalhos.

“Estamos ampliando a capacidade de transporte de água. Com isso, consigo ter maior disponibilidade de água nos locais que ficam mais distantes dos pontos de produção, que são as nossas estações de tratamento e poços. Entregar essa água com rapidez nas regiões mais afastadas reduz uma série de questões no abastecimento. Este é o grande benefício desta obra”, explicou o diretor executivo da Águas de Manaus, Luiz Couto.  Outro ponto positivo da obra será a redução da velocidade de fluido e vibração dentro das tubulações. Isso diminui as possibilidades de rompimento das adutoras.

A primeira fase da obra foca na duplicação de 1.890 metros de tubulação. A segunda etapa, que começará ainda neste mês de janeiro, prevê a implantação de mais 859 metros de rede. “Já assentamos mais de 30 tubos. A previsão é que esse trecho esteja concluído no primeiro trimestre de 2019. São obras complexas, afinal, são tubulações de grande diâmetro, em escavações profundas. Estamos tomando todo cuidado necessário na região, sinalizando tudo com segurança para os pedestres, moradores e o trânsito na área”, completou o diretor executivo Luiz Couto.

O presidente da Associação de Moradores do bairro do Alvorada, Nei Araújo, esteve na Avenida K acompanhando as obras, que continuam em ritmo acelerado apesar do período chuvoso nesta época do ano. Para Araújo, o serviço altera a rotina dos moradores temporariamente, mas os benefícios serão permanentes. “É algo que há muito tempo nós necessitávamos e vem em boa hora, como um presente para o bairro que completa 50 anos agora em dezembro. As obras vão nos beneficiar ainda mais. Nós só temos a ganhar”, afirmou o representante dos moradores do Alvorada.

 

INVESTINDO NO ABASTECIMENTO

Hoje, Manaus possui 98% de abastecimento de água, com benefício direto a 2 milhões de pessoas. Mais de 630 milhões de litros de água são captados diariamente do rio Negro e tratados sob um rígido controle de qualidade. A Águas de Manaus pretende melhorar os serviços de abastecimento em todas as zonas da cidade ao longo de 2019, investindo na manutenção e ampliação das redes de água. Cerca de 18 mil metros de novas redes serão construídos no próximo ano. Outros 19 mil metros de tubulações já existentes serão substituídos. A concessionária também projeta trocar 85 mil hidrômetros que já estejam com a vida útil expirada pela cidade.

A Águas de Manaus ainda trabalha na construção de cinco novos reservatórios de água nos bairros da Compensa (zona Oeste), Jorge Teixeira (zona Leste), Cidade Nova (zona Norte), Cidade de Deus (Zona Norte) e Colônia Santo Antônio (Zona Norte). Eles serão entregues no primeiro semestre do ano. Juntos, as novas unidades aumentam a capacidade de reserva de água na cidade em aproximadamente 20 milhões de litros (volume correspondente ao de 40 mil caixas d’água de 500 litros), beneficiando 450 mil pessoas em Manaus.