Arquivo de maio 31America/Sao_Paulo 2022

Segurança no trânsito: Águas de Manaus promove programação especial em alusão ao “Maio Amarelo”

Postado por Aegea Manaus em 31/maio/2022 - Sem Comentários

Foram feitas palestras e ações educativas de conscientização para alertar todos os colaboradores sobre a importância de dirigir com segurança

 

A Águas de Manaus promoveu neste mês uma programação especial em alusão ao “Maio Amarelo”. A proposta foi mostrar aos colaboradores os altos índices de mortes e feridos em acidentes de trânsito e conscientizar a todos sobre a importância em dirigir em segurança e respeitar a sua vida e do outro.

Profissionais do Departamento Estadual de Trânsito do Amazonas (Detran-AM) e do Instituto Municipal de Mobilidade Urbana (IMMU) realizaram palestras sobre o tema “Segurança no Trânsito”. A ação contou com a participação efetiva dos colaboradores. A intensão é fazer com que cada um deles se sensibilize e passe a aplicar os ensinamentos no dia a dia, contribuindo para um trânsito mais seguro e humano.

Todos participantes tiveram a oportunidade de conhecer mais sobre o assunto e tirar dúvidas. Além das palestras, foram realizadas também campanhas educativas mostrando para os condutores da empresa a importância de se tomar uma postura positiva e responsável no trânsito e como esta atitude pode transformar a sociedade.

“Atenção”

O Maio Amarelo surgiu em 2010, na cidade de Soweto, na África do Sul, quando a bisneta de Nelson Mandela, Zenani Mandela, que tinha 13 anos, morreu após o veículo em que ela estava ter capotado quando saia do show de abertura da Copa do Mundo. Na época, o motorista foi indiciado por homicídio culposo. Ele apresentava sinais de embriaguez.

Após o acidente, a família da meninda iniciou uma campanha pelo mundo, denominada “Semana Mundial da Segurança do Pedestre”, com objetivo de chamar a atenção da sociedade do mundo todo sobre o alto índice de mortes e feridos em acidentes de trânsito. Em 2011, a Organização das Nações Unidas (PNU) decretou a “Década de Ações para a Segurança no Trânsito”, com o objetivo de promover ações preventivas relacionas ao trânsito de forma geral e o mês de maio foi escolhido por questões histórias relacionadas à segurança no trânsito. A cor amarela simboliza a mesma cor que conceitua ‘atenção’ nos semáforos.

De acordo com levantamentos da ONU, mais de 1,3 milhão de vidas são perdidas por ano em decorrência de acidentes de trânsito. Esta já é a maior causa de morte de pessoas com idade entre 5 e 29 anos no mundo. O Brasil é o quinto país com mais mortes do trânsito.

OPORTUNIDADE – Inscrições para capacitação gratuita são prorrogadas

Postado por Aegea Manaus em 31/maio/2022 - Sem Comentários

Esta é a chance para quem deseja crescer profissionalmente ou iniciar um novo empreendimento. São 2 mil vagas ao todo

 

Uma grande oportunidade para quem deseja empreender, ou ganhar engajamento no seu próprio negócio está sendo oferecida para Águas de Manaus, em parceria com a Prefeitura de Manaus. Visando alcançar maior número de microempreendedores, pequenos produtores locais e jovens com idade a partir dos 15 anos de idade, as inscrições para o programa “Negócio Cultural” foram prorrogadas até o dia 15 de junho.

Por meio das Secretarias Municipal do Trabalho, Empreendedorismo e Inovação (Semtepi), da Mulher, Assistência Social e Cidadania (Semasc), a concessionária pretende incentivar a geração de renda na cidade. Estão sendo disponibilizadas 2 mil vagas no projeto.  “Firmamos esta parceria com objetivo de oferecer qualificações para a população manauara. Esta oportunidade é tanto para quem já tem seu próprio negócio, como para quem deseja iniciar”, destacou o diretor-presidente da Águas de Manaus, Thiago Terada.

O “Negócio Cultural” é um dos maiores programas privados gratuitos do Brasil e irá impactar, diretamente, cerca de 2 mil pessoas somente em Manaus. Uma das metas do programa é conscientizar os participantes sobre a importância de se ter um empreendimento voltado para a sustentabilidade e oferecer facilidades para quem já possui o próprio negócio. Trata-se de uma ação com apoio da Secretaria Especial da Cultura, patrocinada pela Aegea Saneamento por meio do Instituto Aegea, pela concessionária Águas de Manaus, e realizada pela Ecotransforma Produções e NTICS Projetos.

Como funciona

O “Negócio Cultural” acontecerá de forma online, através de aulas/oficinas via Youtube. Entre os assuntos abordados, estão dicas para gestão financeira, de recursos humanos, marketing digital, ferramentas de otimização de vendas e conceitos sustentáveis que podem ser aplicados pelos participantes.

Os alunos também terão à disposição uma plataforma temática, que vai possibilitar o aprofundamento nos temas e uma mentoria individualizada após cada oficina. Ao final, todos irão receber certificado de conclusão do curso de 40h.

INSCRIÇÕES – As inscrições são gratuitas e já estão disponíveis. Elas podem ser feitas através do site https://negociocultural.com.br. Podem participar microempreendedores locais, pequenos produtores e jovens a partir de 15 anos que queiram abrir um negócio para geração de renda ou otimizar um negócio já existente. O prazo para inscrição foi prorrogado até o dia 15 de junho.

 As aulas estão previstas para começarem na primeira quinzena de junho.

 SERVIÇO:

Negócio Cultural – Capacitação gratuita para empreendedores

Inscrições: Até o dia 15/06 através do site https://negociocultural.com.br

Quem pode se inscrever: Microempreendedores locais, pequenos produtores e jovens a partir de 15 anos

Mais 1,2 mil pessoas recebem serviço de elevação da rede de água em áreas impactadas pela cheia do rio Negro, em Manaus

Postado por Aegea Manaus em 26/maio/2022 - Sem Comentários

Obras realizadas pela Águas de Manaus em regiões de vulnerabilidade já elevaram mais de 2.000 mil metros de rede de distribuição, garantindo água tratada para os moradores

 

Em época de cheia, moradores de áreas vulneráveis de Manaus, que vivem em becos, palafitas e rip-raps, sofrem com a subida das águas do rio Negro e famílias inteiras precisam se adaptar a uma nova rotina. Para diminuir os impactos gerados pelo fenômeno natural, a Águas de Manaus trabalha, desde o mês passado, em um pacote preventivo de obras para elevar tubulações que distribuem água tratada. Mais de 1,2 mil pessoas já foram contempladas.

Até o momento, pessoas que moram em regiões propícias ao alagamento como no bairro de Educandos, Cachoeirinha, Glória, Centro e São Jorge, já foram beneficiadas pela ação. Mais de 2.000 metros de tubulações foram trocadas por uma estrutura mais elevada para evitar qualquer tipo de contaminação.

Nas últimas semanas, o mutirão esteve na região do São Jorge. Somente no bairro, mais de 400 metros de rede de água foram elevados ou substituídos, assegurando água de qualidade para cerca de 300 pessoas, entre crianças, adultos e idosos.

“Estamos empenhados em dar assistência a estas famílias. Desde que iniciamos este trabalho já conseguimos garantir que famílias inteiras continuem recebendo água potável. É um trabalho difícil, visto que, em muitos locais o acesso é precário, mas a nossa meta é levar saúde para estas pessoas e não medimos esforços para isso”, destacou o gerente de Serviços, Felipe Poli Romero.

As elevações são provisórias. Após a vazante, a concessionária implantará uma nova estrutura nestas regiões.

Qualidade de vida

A Águas de Manaus mantem um rigoroso controle de qualidade na água que produz. Diariamente são realizados uma média de 800 testes para garantir que a água esteja dentro dos padrões estabelecidos pelo Ministério da Saúde, ou seja, que a água fornecida pela concessionária possa ser ingerida diretamente da torneira pelos manauaras.

Com a elevação da estrutura das redes de distribuição, a empresa evita o contato das tubulações com a água contaminada do rio e ainda facilita o trabalho de manutenção das equipes que atuam diariamente nas ruas de Manaus.

Além de levar dignidade e água tratada para esta população vulnerável, a Águas de Manaus também incluiu os moradores no programa Tarifa Manauara, que concede desconto de 50% no valor das faturas. Atualmente 90 mil famílias estão inscritas no programa e a meta é chegar aos 100 mil nos próximos meses. “Quando visitamos estas pessoas percebemos que elas necessitam de uma atenção especial. Diante disto, temos a preocupação social. Não é apenas sobre levar água, é sobre dar dignidade a estas pessoas”, frisou o diretor-presidente da concessionária, Thiago Terada.

Atenção: Serviço cancelado na Ponta do Ismael

Postado por Aegea Manaus em 23/maio/2022 - Sem Comentários

Manaus, 23 de maio de 2022 – A Águas de Manaus informa que a manutenção de melhoria, que estava programada para ocorrer nesta terça-feira (24), no Complexo de Produção de Água da Ponta do Ismael, foi cancelada.

A concessionária irá reprogramar o serviço para outra data, que assim que definida, será informada para a população.

A Águas de Manaus segue à disposição 24h por dia nos canais oficiais de relacionamento: 0800-092-0195 (Whatsapp e SAC), site aguasdemanaus.com.br e aplicativo Águas APP.

Águas de Manaus e Prefeitura lançam programa que oferece duas mil vagas gratuitas para capacitar empreendedores

Postado por Aegea Manaus em 19/maio/2022 - Sem Comentários

“Negócio Cultural” tem o objetivo de conscientizar os participantes sobre a importância de se ter um negócio voltado para a sustentabilidade. Serão oferecidas mais de 2 mil vagas

 

Empreender não é uma tarefa fácil, seja para quem já está no ramo, ou para quem deseja começar “do zero”. Para incentivar a geração de renda na cidade, a Prefeitura de Manaus, por meio das Secretarias Municipal do Trabalho, Empreendedorismo e Inovação (Semtepi), da Mulher, Assistência Social e Cidadania (Semasc) em parceria com a concessionária Águas de Manaus, lançam nesta quinta-feira (19), o projeto “Negócio Cultural”, que oferece 2 mil vagas gratuitas de capacitação para microempreendedores, pequenos produtores locais e jovens com idade a partir dos 15 anos de idade.

Além de facilitar o caminho de quem já possui ou deseja abrir um negócio próprio, o programa tem o objetivo de conscientizar os participantes sobre a importância de se ter um empreendimento voltado para a sustentabilidade.

O “Negócio Cultural” é um dos maiores programas privados gratuitos do Brasil e vai impactar, diretamente, cerca de 2 mil pessoas somente em Manaus. Trata-se de uma ação com apoio da Secretaria Especial da Cultura, patrocinada pela Aegea Saneamento por meio do Instituto Aegea, pela concessionária Águas de Manaus, e realizada pela Ecotransforma Produções e NTICS Projetos.

O programa irá trabalhar quatro dos 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentáveis (ODS), que são: Trabalho decente e crescimento econômico (8), Indústria, inovação e infraestrutura (9), Redução das desigualdades (10) e Consumo e produção responsáveis (12). “Queremos auxiliar as pessoas a reinventarem sua forma de geração de renda, ou descobrir um novo caminho, seja qual for o tamanho e ramo da atividade. Estamos colaborando para impactar positivamente a vida dos moradores da cidade de diversas maneiras”, declarou o diretor-presidente da Águas de Manaus, Thiago Terada.

O “Negócio Cultural” acontecerá de forma online, através de aulas via Youtube. Entre os assuntos abordados, estão dicas para gestão financeira, de recursos humanos, marketing digital, ferramentas de otimização de vendas e conceitos sustentáveis que podem ser aplicados pelos participantes. Os alunos também terão à disposição uma plataforma temática, que vai possibilitar o aprofundamento nos temas.

MENTORIA GRATUITA – Para acompanhar o desenvolvimento das ideias que vão surgir durante o projeto, uma equipe do “Negócio Cultural” ficará à disposição dos participantes para uma mentoria individualizada, após o final das oficinas. O objetivo é tirar dúvidas e auxiliar os participantes na aplicação do conteúdo ministrado. Além, disso, todos recebem certificado de conclusão do curso de 40h.

INSCRIÇÕES – As inscrições são gratuitas e já estão disponíveis. Elas podem ser feitas através do site https://negociocultural.com.br e podem participar microempreendedores locais, pequenos produtores e jovens a partir de 15 anos que queiram abrir um negócio para geração de renda ou otimizar um negócio já existente. O prazo para inscrição vai até o dia 30 de maio. As aulas estão previstas para começarem na primeira quinzena de junho.

SERVIÇO:

Negócio Cultural – Capacitação gratuita para empreendedores

Inscrições: Até o dia 30/05 através do site https://negociocultural.com.br

Quem pode se inscrever: Microempreendedores locais, pequenos produtores e jovens a partir de 15 anos

Prefeitura acompanha obras e alinha ações junto à Águas de Manaus

Postado por Aegea Manaus em 18/maio/2022 - Sem Comentários

A Prefeitura de Manaus vistoriou, na manhã desta quarta-feira (18), frentes de trabalho da Águas de Manaus. O objetivo é alinhar estratégias para que os serviços realizados pela concessionária aconteçam em conjunto com os pacotes de obras lançados pela Prefeitura.  Além disso, o planejamento das próximas intervenções da empresa para implantar melhorias de saneamento básico foi apresentado ao Município.

Arone Bentes, superintendente da Unidade Gestora de Projetos Municipais de Abastecimento de Água e Esgotamento Sanitário (UGPM-Água), órgão vinculado à Secretaria Municipal de Infraestrutura (Seminf), representou o Prefeito David Almeida no roteiro de visitas. Para Arone, ações como esta precisam ser intensificadas, para garantir que os investimentos realizados na cidade tanto pela Prefeitura, quando pela concessionária, cheguem de fato até a população.

“Estamos conhecendo todo o processo da rede de água, da captação à chegada na casa dos moradores. Aproveitamos também para trazer demandas da população e alinhar soluções que tenham como objetivo, o bem estar dos manauaras”, destacou o superintendente.

As equipes da Prefeitura visitaram o complexo de Produção de Água da Ponta do Ismael, na Compensa, que é responsável pelo abastecimento de 70% da capital. O processo de captação, tratamento e controle de qualidade na água produzida no local foi apresentado. Além disso, a nova estação de Tratamento de Lodo, que está sendo construída no Complexo, também foi vistoriada pela Prefeitura.

No bairro do São Jorge, na zona Oeste de Manaus, as equipes da Prefeitura fiscalizaram o trabalho em regiões de palafita que estão sendo impactadas pela cheia. A Águas de Manaus, realiza, desde o começo do mês, uma ação para elevar as tubulações que distribuem água tratada nestas áreas. Com a elevação da estrutura das redes de distribuição, a empresa evita o contato das tubulações com a água contaminada e ainda facilita os trabalhos de manutenção. “Esse trabalho é muito importante, pois garante que a população tenha água tratada mesmo no período da cheia. Seria um risco muito grande de contaminação ou infecção deixar a rede submersa. Todo esse trabalho foi feito sem gerar nenhum ônus para a população”, frisou Arone Bentes.

A visita também incluiu o trabalho de conscientização sobre as redes de esgotamento sanitário que existem na cidade. No bairro do São Lázaro, na zona Sul de Manaus, os representantes da Prefeitura acompanharam as equipes da concessionária que estão atuando de porta em porta, orientando os moradores sobre a importância da conexão ao sistema de esgotamento e tirando dúvidas da população. Atualmente, 26% da capital já conta com o serviço. A previsão da concessionária é investir R$ 1 bilhão nos próximos anos, para que a cobertura continue sendo ampliada.

O diretor-presidente da Águas de Manaus, Thiago Terada, reforçou que a empresa está à disposição da Prefeitura, demais órgãos e de qualquer pessoa para esclarecer dúvidas e alinhar novas ações. “Fazemos questão de abrir nossas portas e mostrar todo o nosso processo de forma transparente. Desta forma conseguimos melhorar o relacionamento com a cidade e os órgãos fiscalizadores. Entendemos que atuar em conjunto com a Prefeitura é fundamental para implantarmos as melhorias que estão planejadas para a cidade”, destacou Terada.

Inovação e tecnologia: Robô avalia preventivamente rede de esgoto em Manaus

Postado por Aegea Manaus em 16/maio/2022 - Sem Comentários

Robô VOR 37 vai auxiliar na expansão das redes de coleta de esgoto da capital

 

A Águas de Manaus trouxe nova tecnologia para auxiliar na expansão dos serviços de esgotamento sanitário da cidade. Inédito na região, o robô da linha VOR 37 é o mais novo investimento da empresa. O equipamento de vídeo inspeção entra nas tubulações e avalia preventivamente trechos de difícil acesso, sinalizando necessidade de manutenção. Por meio do diagnóstico preciso, será possível reduzir tempo e impacto de obras.

De acordo com o supervisor de operações da Águas de Manaus, Júlio César Rodrigues, o robô VOR 37 é multiuso e consegue definir posição e profundidade exatas de uma obstrução na rede de esgoto. “Antigamente, para identificar o local onde havia a obstrução, era necessário escavar uma área maior até encontrar o local correto. Isso levava tempo e impactava em todo processo. Com o auxílio do VOR 37, vamos conseguir ser mais exatos e reduzir os impactos na execução de qualquer tipo de manutenção. O robô é um grande facilitador neste processo e quem mais ganha é a população, que será impactada por um menor tempo durante nossas obras no sistema”, pontuou Júlio César.

O robô VOR 37 é de produção nacional, e conta com o que há de mais moderno na robótica de vídeo inspeção. Ele pode ser conectado a cabos de até 200 metros, ou ser controlado por rádio na faixa de 2.4 gigahertz.  O VOR 37 possui uma câmera de alta resolução, que faz imagens detalhadas do estado interno das tubulações, auxiliado por iluminação de Led com 10 níveis de intensidade, o que permite que seja utilizado até em horário noturno. As imagens captadas são enviadas em tempo real para um programa de computador, que podem estar em um notebook, tablet ou até mesmo celular. Ele pode ser utilizado dentro de tubulações de até 500mm e se desloca em uma velocidade de 8.5 metros por minuto.

De acordo com o gerente de Operações da concessionária, Diogo Freitas, ações simples da população, como a mudança de hábitos em relação ao descarte dos resíduos na rede de esgoto, também podem evitar futuros contratempos. “Nossas estações de tratamento de esgoto são modernas e possuem etapas de retenção de resíduos sólidos, mas é muito importante que a população contribua. Ainda que as pessoas pensem que é ‘apenas um restinho de comida ou alguns fios de cabelo’, isso causa grandes transtornos operacionais. A conscientização é essencial”.

Dentre os resíduos mais encontrados na rede de esgoto doméstico que podem obstruir as tubulações, estão pedras de gordura, fraldas descartáveis, absorventes, preservativos, bitucas de cigarro e cabelo. Além destes resíduos que podem obstruir a rede, o robô também identifica rachaduras nos canos, problemas estruturais, pontos de desgaste ou juntas desalinhadas, sinalizando necessidade de manutenção.

 

 

Ampliação da rede de esgoto – A Águas de Manaus avança fortemente na ampliação da rede de esgoto e vem investindo em tecnologias para levar o serviço a todas as regiões da capital. Nos últimos anos a cobertura do sistema de esgotamento em Manaus cresceu 40%, saindo de 19% para os atuais 26%. Diariamente, a empresa já trata mais de 50 milhões de litros de esgoto, evitando que esse volume de efluentes seja despejado diretamente e de maneira inadequada na natureza.

Atualmente Manaus conta com 750 quilômetros de rede de esgoto, em uma estrutura que já pode atender cerca de 500 mil pessoas na cidade. “Estamos ampliando a rede de esgoto e é importante que a população saiba a importância em se conectar a ela. Os dejetos gerados nas residências passam por um rigoroso processo de coleta e tratamento até que sejam devolvidos à natureza, dentro dos parâmetros de qualidade exigidos. Estamos falando em preservação do meio ambiente, em qualidade de vida”, ressaltou o gerente de Operações Diogo Freitas.

Para os próximos anos, a concessionária prevê um investimento de R$ 1 bilhão na expansão do sistema, garantindo coleta e tratamento de esgoto para 1 milhão de moradores.

Águas de Manaus reúne-se com líderes comunitários da zona Leste e promove canal direto com a população

Postado por Aegea Manaus em 12/maio/2022 - Sem Comentários

Durante o evento representantes das comunidades foram ouvidos e receberam soluções para demandas dos moradores

 

Representantes da Águas de Manaus e líderes comunitários da zona Leste, uma das mais populosas da cidade, reuniram-se na manhã desta quinta-feira (12), no auditório da sede da empresa. O objetivo foi divulgar os projetos sociais da concessionária, ouvir das solicitações da população e esclarecer dúvidas referentes ao trabalho executado pela empresa.

O encontro fez parte do programa “Afluentes”, que integra as associações de moradores com a concessionária, estabelecendo um canal direto e aberto de comunicação com os moradores de todas as zonas da cidade. “Trabalhamos diariamente com esses representantes das comunidades por meio de grupos de WhatsApp, atendendo as necessidades da população. Estamos também realizando reuniões presenciais para ter um contato maior, ouvir e resolver demandas que garantem o bom relacionamento entre a empresa e a comunidade”, destacou o gerente de Projetos Sociais da Águas de Manaus, Semy Ferraz.

Um dos porta-vozes da população que esteve presente na reunião, o líder comunitário do bairro Gilberto Mestrinho, Lenilson Oliveira, reforçou a importância de ações como esta para o desenvolvimento da comunidade. “A Águas de Manaus tem dado uma atenção especial para a comunidade. Temos um canal aberto com a empresa e por ele conseguimos ajudar nossos moradores. Temos uma verdadeira parceria com a empresa, que sempre mostra que está preocupada como a responsabilidade social”, frisou o líder comunitário.

Durante o evento, os líderes levaram pautas que recebem da população no dia a dia e receberam uma pronta resposta sobre soluções imediatas. “Ficamos muito felizes com esta atitude da empresa. A Águas de Manaus é a empresa que mais abre as portas para a comunidade, é uma empresa parceira da população”, ressaltou o líder comunitário do bairro Armando Mendes, João Luiz Nunes.

Afluentes

O programa existe desde dezembro de 2018 e tem como objetivo promover a integração entre associações de moradores e a empresa. Por meio dele, as lideranças comunitárias têm canal direto com a Águas de Manaus, garantindo maior agilidade na resolução de suas demandas referentes a água e esgoto na cidade. Atualmente, o “Afluentes” está dividido em quatro grupos, como mais de mil lideranças comunitárias.

 

Águas de Manaus promove workshop com Procon-AM e DPE-AM em busca de novas parcerias para beneficiar o consumidor

Postado por Aegea Manaus em 09/maio/2022 - Sem Comentários

A capacitação reuniu 50 colaboradores dos órgãos de defesa do consumidor e promoveu uma “imersão” nas atividades de rotina da empresa.

 

A Águas de Manaus, o Instituto de Defesa do Consumidor do Amazonas (Procon-AM) e a Defensoria Pública do Estado do Amazonas (DPE-AM) trocaram experiências em um workshop que promoveu uma “imersão” dos órgãos nas atividades de rotina da concessionária dos serviços de água e esgoto da cidade. O principal objetivo foi discutir melhorias para o relacionamento com a população da cidade e a prestação dos serviços da empresa. Participaram do treinamento cerca de 50 pessoas.

A concessionária já desenvolve parcerias com o Procon-AM e a DPE-AM para buscar soluções para as demandas que chegam até os órgãos de defesa do consumidor. “Hoje, 93% dos processos envolvendo a concessionária resolvidos com soluções satisfatórias para o consumidor. A Águas de Manaus é a empresa que tem o maior volume de soluções dentro do Procon-AM. Que sirva de exemplo às demais. É muito importante este tipo de capacitação, até para que os nossos servidores passem a prestar um serviço melhor à população”, destacou o diretor-presidente do Procon-AM, Jalil Fraxe.

Jalil Fraxe (Procon-AM), Thiago Terada (Águas de Manaus) e Christiano Pinheiro (DPE-AM) – Foto: João Pedro (Procon-AM)

Durante o treinamento, foram abordados temas como funcionam o faturamento e fiscalização da empresa, conexão de novos usuários ao sistema de água e esgoto e as normas que regem o abastecimento de água e esgotamento na capital amazonense. Os participantes ainda conheceram o complexo Ponta do Ismael, onde ficam as Estações de Tratamento de Água (ETA’s) 1 e 2, que abastecem 70% da cidade. Além disso, também visitaram a Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) Timbiras, que fica no bairro Cidade Nova e tem capacidade de tratar 230 litros de esgoto por segundo.

O defensor público, Christiano Pinheiro da Costa, que coordena o Núcleo de Defesa do Consumidor (Nudecon), reforçou que a ação vai proporcionar o desenvolvimento de novas parcerias que beneficiam a população. “A inciativa da Águas de Manaus junto à Defensoria e ao Procon é fundamental para que a gente possa compreender melhor o sistema de abastecimento de água e o sistema de esgotamento sanitário na cidade de Manaus e assim, nos auxiliar nas tratativas e nas resoluções das demandas que os consumidores nos apresentam em relação aos serviços da empresa”, ressaltou Christiano.

Para o diretor-presidente da Águas de Manaus, Thiago Terada, capacitações como estas reforçam a postura do bom relacionamento que a empresa adota em todas as ações que desenvolve na cidade. “Este tipo de parceria agrega conhecimento e valores tanto para a concessionária quanto para as instituições. Fazemos questão de abrir nossas portas e mostrar todo o nosso processo de forma transparente. Desta forma conseguimos melhorar o relacionamento também com os consumidores, que são representados por estes órgãos”, destacou Terada.

PREVENÇÃO: Tubulações de água em áreas impactadas pela cheia do rio Negro são elevadas para garantir água potável aos moradores

Postado por Aegea Manaus em 02/maio/2022 - Sem Comentários

Trabalho realizado pela concessionária Águas de Manaus beneficia moradores que vivem em regiões de palafitas e rip-rap da capital

 

O bairro de Educandos, um dos mais antigos e tradicionais de Manaus, é também um dos mais impactados anualmente pela cheia do rio Negro, já que parte das moradias estão situadas na orla do bairro. Neste ano, as projeções indicam que as águas do rio Negro podem chegar a um novo índice histórico. Para garantir que moradores da orla do Educandos e de regiões semelhantes recebam água tratada, a concessionária montou uma força-tarefa de obras para elevar as tubulações que abastecem estes locais.

Além de facilitar os trabalhos de manutenção das equipes da concessionária, a ação preventiva afasta a possibilidade de que as águas do rio entrem em contato com a rede, evitando qualquer tipo de contaminação. Desta forma, a empresa garante que as pessoas que vivem em situação de vulnerabilidade recebam água potável, dentro dos padrões de qualidade estabelecido pelo Ministério da Saúde, mesmo com as adversidades causadas pela cheia.

Até o momento já foram elevados 600 metros de rede de abastecimento no Educandos, garantindo água para cerca de 100 residências e beneficiando uma população de mais de 500 pessoas, entre crianças, adultos e idosos. O pacote de obras foi iniciado há cerca de 15 dias.

De acordo com o gerente de serviços, Felipe Poli Romero, a força-tarefa vai acompanhar todo o movimento da cheia e vazante do rio. “Já temos os locais que são mais atingidos pela cheia todos mapeados. O trabalho preventivo já vai garantir que estas pessoas continuem recebendo saúde em suas casas. Quando rio baixar, a empresa irá fazer uma nova estrutura de abastecimento”, explicou.

Além do Educandos, outros bairros também serão beneficiados pelo serviço, sendo a maioria deles compostos por famílias que vivem em becos, vielas, escadões e palafitas. Todas são regiões que receberam estrutura de abastecimento regular nos últimos três anos, quando a Águas de Manaus implantou mais de 150 mil metros de tubulações de água em locais de vulnerabilidade.  “Quando chegamos na cidade, muitas casas nesses locais não tinham acesso a água tratada. Desde que implantamos redes de água nestas regiões, a qualidade de vida melhorou e as famílias também tiveram impactos positivos na saúde, com a redução de doenças hídricas e na dignidade”, relatou o gerente de serviços.

Fatura com 50% de desconto – Além de água tratada, os moradores de áreas vulneráveis também são beneficiados na Tarifa Manauara, que concede 50% de desconto no valor das faturas para famílias de menor renda. De 2018 até 2022 a concessionária ampliou o número de beneficiários, passando de 22 mil para 86 mil famílias alcançadas. A meta é atender 100 mil famílias, que é o equivalente a 500 mil pessoas e transformar Manaus na capital brasileira com a maior parcela de população beneficiada com a Tarifa Social.